Como saber se você está recebendo a velocidade de internet contratada?

Você contratou uma alta velocidade de internet fibra e tem a impressão de receber menos velocidade do que a que foi contratada? Se a sua resposta foi “SIM”, continue por aqui que este texto é pra você!

Quando você entra em um site e seu aparelho demora para carregar a página, bate aquela dúvida: é a página que é muito pesada ou a minha velocidade de internet que é ruim?

As duas alternativas podem estar corretas. Mas saiba que, além dessas duas, ainda existe uma terceira alternativa: o seu aparelho é compatível com a ultravelocidade?

As pessoas sempre desejam uma internet rápida. A palavra ultravelocidade faz brilhar os olhos, não é mesmo?! Mas pouca gente entende como funciona a velocidade da internet, o que pode contribuir e o que pode atrapalhar essa velocidade.

Por essa razão, separamos aqui todas as informações necessárias para você confirmar se está recebendo realmente a velocidade contratada. E o que pode estar atrapalhando a velocidade da sua internet.

O que é velocidade de internet?

Quando falamos em velocidade de internet, você sabe exatamente do que se trata?

Algumas operadoras oferecem um pacote de internet, seja de 10 Mega, 25 Mega ou pacotes maiores, de 200 Mega, 400 Mega e até 1 Giga (1.000 Mega), como é o caso da IBI Telecom. Mas você faz ideia do que isso significa?

É claro que 200 Mega é mais velocidade do que 25 Mega. Mas, geralmente, isso se refere à velocidade de download que esse plano permite. A taxa de upload costuma ser diferente, na maioria dos casos, menor.

Isso acontece porque as pessoas costumam baixar mais arquivos do que enviar. 

Portanto, é importante você observar, ao contratar um plano, a velocidade de download e de upload que o seu plano permite.

Outro dado importante para saber se a sua internet realmente é rápida é o PING, ou a latência.

Mas o que é o PING?

A palavra PING é uma abreviação do termo em inglês "Packet Internet Grouper”, que poderia ser traduzido como “Agrupador de Pacotes da Internet”. Na prática, PING é o tempo que um comando leva para sair do seu computador, chegar até o destino dele na internet e retornar para o seu computador.

Se o PING for baixo, provavelmente a sua conexão não está sofrendo interferências e a transmissão dos dados será mais rápida. Quanto menor for o PING, mais excelente é mais qualidade terá [1] a taxa de transmissão.

Caso o PING esteja alto, algo pode estar acontecendo, como por exemplo: downloads em andamento, uso da mesma rede para assistir filmes por streamings, localização do dispositivo longe do roteador de internet, cabos soltos da internet, dentre outros. Caso isso aconteça, o tempo de carregamento do conteúdo que você quer acessar será maior, diminuindo a velocidade da sua conexão.

Ou seja, quanto menor for o PING, mais rápida será a sua conexão.[2] 

Então, o tempo de latência, PING, é um dado muito importante para avaliar a qualidade da transmissão de dados e a velocidade de sua internet. E você consegue verificar essa informação nos testes de velocidade de internet.

E já já a gente te ensina como fazer esse teste. Antes disso, você sabe quais os fatores podem interferir na qualidade da internet da sua casa?

Seu equipamento está pronto para a ultravelocidade?

Pois é!

Às vezes você contrata um SUPER plano de internet, ideal para o seu tipo de uso. Mas nem sempre o seu equipamento (computador, smartphone, Smart TV) tem um processador compatível com essa velocidade toda.

Afinal de contas, toda nova tecnologia requer equipamentos que sejam compatíveis com ela. Quanto mais novo o equipamento, maior a chance de você conseguir usufruir das novidades tecnológicas.

Não dá para usar um motor de Ferrari em um Fusquinha, né?

Mas não se preocupe! Antes de sair trocando todos os aparelhos da casa, faça o teste. Assim, você poderá confirmar se o problema é realmente a internet ou o seu equipamento.

Para você descobrir se seu equipamento está atrapalhando sua velocidade, basta você entrar em um site confiável de teste de velocidade, abrir o gerenciador de tarefas do seu computador e verificar em quantos porcentos fica o processamento da máquina durante o teste.

Se o processamento chegar em 100% antes mesmo de aparecer a velocidade contratada, é porque o equipamento não está tendo capacidade para suportar a ultravelocidade.

Aí a questão está no seu equipamento mesmo!

Mas, caso o seu aparelho seja novo, existem outras questões que podem estar atrapalhando a velocidade da sua internet. A quantidade de aparelhos conectados é uma delas!

A quantidade de aparelhos conectados interfere na velocidade da internet?

A resposta é: claro que sim!

Se você estiver assistindo vídeos no YouTube, pelo computador, o celular conectado no Instagram e a TV ligada na Netflix, a velocidade contratada está sendo dividida entre cada um desses aparelhos.

Um exemplo para entender melhor esse assunto:

Imagine uma rodovia. Para que todos os carros consigam transitar por ela de forma rápida, ela precisa ser ampla, espaçosa, não é mesmo? 

Agora, imagine que 1Mbps equivale a uma pista dessa rodovia. Se você precisar fazer um download de uma fotografia de 6MB de tamanho, e a sua pista (ou seja, a sua largura de banda) equivale a 1Mbps, levaria aproximadamente 60 segundos para percorrer essa pista (ou seja, para fazer o download completo desta imagem).

Mas esse tempo só se aplica se o seu carro estiver sozinho nessa pista. Pois, se existirem outros carros transitando por ela (ou seja, outros aparelhos conectados), o trânsito ficará congestionado, deixando o percurso mais lento para todos os usuários.

Outros fatores que podem alterar a velocidade da sua internet

Nós já vimos, então, que aparelhos ultrapassados e um grande número de usuários utilizando a mesma rede que você podem interferir na velocidade da sua internet, certo?!

Além disso, a velocidade da sua conexão pode ser afetada por outros fatores como as diversas barreiras do WiFi .

Mas, como já explicamos no nosso último texto[3] , saiba que tem como melhorar o seu uso. Algumas dicas são:

1. Preste atenção à localização dos dispositivos.

2. Utilize equipamentos atuais.

3. Tenha uma internet de acordo com o seu uso.

Não sabe como escolher o plano ideal para o seu perfil de uso? Responda o nosso quiz ou dá uma olhadinha nesse post, que você não vai ter mais dúvidas!

Como medir a velocidade da sua internet?

Não tem coisa pior na vida do que ficar esperando o navegador carregar por 30 segundos para abrir uma página na internet, não é mesmo? E às vezes a gente fica sem saber se é o site ou a internet de casa que está lenta mesmo.

Pois saiba que tem como saber se é o seu provedor que está te deixando na mão. Basta fazer um teste de velocidade de internet. O processo é muito simples! Eu vou te falar detalhadamente como fazer, mas você também pode assistir ao nosso vídeo que explica como medir a velocidade da sua internet.

Pra começo de conversa, é importante ressaltar que o teste de velocidade deve ser realizado pelo computador ligado via cabo de rede ao modem.

Agora vamos ao passo-a-passo:

1º passo:

Fechar todos os programas que estão abertos no seu computador.

2º passo:

Você deve desconectar todos os dispositivos que estão conectados ao modem na sua casa, seja celular, televisão ou outros computadores, seja pelo Wi-Fi ou por cabo de rede, deixando apenas a máquina que fará o teste.

3º passo:

Abrir o navegador e acessar a página da IBI Telecom (www.ibitelecom.com.br). Agora clique em MEDIDOR DE VELOCIDADE, no canto superior da página. Uma nova aba será aberta e você já pode fechar a aba anterior (página da IBI).

4º passo:

Clicar com o botão direito na barra de tarefas do seu computador, abrindo o gerenciador de tarefas. Vá até a aba de desempenho.

5º passo:

Volte ao navegador e clique no botão Iniciar.

6º passo:

Enquanto o teste está rodando, no gerenciador de tarefas, verifique qual é o percentual de CPU que está mostrando da máquina. Quanto mais próximo do 100% do CPU, menor maior a capacidade do computador de medir a velocidade.

Neste vídeo, veja como fazer este teste.

Mas se liga!

Se o gerenciador de tarefas mostrar que a sua máquina chegou aos 100% e o teste mostrou uma velocidade muito abaixo da velocidade contratada, a limitação se encontra na sua máquina.

Caso não tenha chegado nos 100% e a velocidade, ainda sim, estiver muito abaixo do que foi contratado, deve-se desligar e reiniciar todos os equipamentos (o seu computador e o modem), refazer o processo.

Se ainda sim estiver abaixo, está na hora de entrar em contato com o seu provedor de internet.

Fazendo o teste, você passa a entender melhor o que a sua internet é capaz de oferecer e terá certeza se a sua operadora de banda larga está entregando aquilo que foi contratado.


Suporte Técnico
Iniciar conversa
Contratar pelo whatsapp
Olá 👋 Quer CONTRATAR seu plano de internet FIBRA ÓTICA? Fale comigo!